Veja como agilizar suas decisões com um dashboard para gestão de cartazeamento
Gestão de Negócios

Veja como agilizar suas decisões com um dashboard para gestão de cartazeamento

Pricefy

17/4/2018

This is some text inside of a div block.
April 22, 2021
This is some text inside of a div block.

A tomada de decisões em uma empresa deve ser baseada na razão. À medida que a tecnologia foi evoluindo e a quantidade de recursos disponíveis aumentando, o monitoramento de resultados foi sendo simplificado e agilizado.

Atualmente, é possível monitorar métricas e resultados de campanhas, ações ou estratégias do marketing em tempo real, independentemente de serem direcionadas para o ambiente físico ou virtual.

Nesse sentido, temos o dashboard, uma importante ferramenta para a tomada de decisões e acompanhamento de projetos.

Neste post, falaremos sobre a utilização do dashboard para a gestão de cartazeamento. Acompanhe o texto e saiba como ele pode ser útil ao seu negócio.

O que é um dashboard?

Os dashboards são um conjunto de indicadores e métricas aglomerados em um só ambiente de modo a proporcionar uma visão globalizada dos processos de um negócio. Pode representar os dados referentes ao setor de vendas, da produtividade de vendedores, da aquisição de leads, entre várias outras possíveis mensurações.

O grande trunfo dos dashboards está na capacidade que ele disponibiliza ao empreendedor de observar o andamento dos seus projetos e detectar qualquer desvio ou problema operacional que comprometa seus planejamentos.

Em uma gestão de cartazeamento, por exemplo, o dashboard permite que o empresário monitore o sistema de precificação e emissão de etiquetas dos seus pontos de vendas. Com isso, o gestor poderá observar, em tempo real, a adequação da comunicação às exigências legais, a fluidez e atualização das promoções anunciadas nos monitores e cartazeamento digital nas lojas, entre vários outros.

No dashboard para a gestão de cartazeamento, todos os dados e informações são disponibilizados digitalmente, em formatos de fácil compreensão.

Desse modo, não só o gestor e os vendedores têm um controle de qualidade acerca das promoções que serão anunciadas, como também o trabalho do responsável por gerir essa atualização é simplificado.

Como montar um dashboard?

O passo inicial para elaborar seu dashboard é reconhecer os objetivos das informações que o painel disponibilizará para você. Os exemplos mais comuns são:

  • acompanhamento dos resultados de vendas;
  • objeto para análise da performance da equipe de vendas;
  • verificação do que está sendo falado sobre sua marca e concorrentes na Internet.

Como definir objetivos para o dashboard?

Para definir de forma adequada os objetivos do seu dashboard, é necessário responder a alguns questionamentos básicos: como o dashboard poderá atribuir valor à empresa? Qual será o tipo de dashboard adotado? Quem vai acessar as informações do dashboard?

Em seguida deve-se criar um wireframe — o esqueleto de seu dashboard. Aqui é a hora de elaborar várias versões para chegar em uma versão final que suprirá as necessidades da sua empresa.

Pelo dashboard, suas lojas poderão, por exemplo, verificar quais cartazes foram impressos, se alguma unidade está imprimindo mais do que a outra, quais campanhas estão em vigência em cada loja, os recursos utilizados em cada campanha, entre várias outras informações.

Viu como o dashboard para gestão de cartazeamento pode ajudar a sua empresa? Acompanhe-nos pelas redes sociais e fique sempre por dentro de outros conteúdos sobre o assunto! Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn.

Conteúdos relacionados