6 principais erros de impressão de cartazes para ficar atento

6 principais erros de impressão de cartazes para ficar atento

Pricefy

19/4/2018

This is some text inside of a div block.
September 3, 2021
This is some text inside of a div block.

 

Os cartazes são ferramentas imprescindíveis para a comunicação em um estabelecimento. Eles apresentam diversas funcionalidades, como apresentar um produto, solução ou informar aos clientes sobre promoções.

No entanto, algumas falhas podem ser comuns na impressão, podendo comprometer gravemente o resultado almejado, tornando-se um desperdício de investimento. Para evitar esse tipo de problema no seu negócio, é imprescindível conhecer os erros mais comuns e como evitá-los em seus cartazes.

Pensando nisso, elaboramos este post com os principais erros de impressão de cartazes para você ficar de olho! Ficou curioso? Então, continue a leitura!

1. Informações erradas

As campanhas promocionais de um supermercado geralmente duram períodos curtos, o que exige uma atualização constante dos cartazes. Sem um bom planejamento, essa necessidade de agilidade pode se transformar em pressa, resultando em falhas na impressão de cartazes.

Esse tipo de erro é extremamente prejudicial para o negócio e pode resultar em dores de cabeça e prejuízo. É comum encontrar cartazes que contenham informações erradas, tais como: erro no valor do produto ou serviço oferecido, erro nas condições e na descrição do que está sendo exibido para o cliente.

Em casos em que o preço apresentado é muito desproporcional ao valor original, esse tipo de situação acaba virando um prejuízo para o lojista. Afinal, o direito do consumidor prevê que o consumidor sempre tem direito a pagar o menor preço, quando o produto é etiquetado ou apontado com preços diferentes na mesma loja.

Esse tipo de erro pode ser evitado, digitalizando o processo de confecção de cartazes, o que fará com que edições e correções possam ser feitas de maneira rápida por qualquer funcionário que identifique a falha.

2. Excesso de dados

Outro erro muito comum, quando o assunto é impressão de cartazes é o excesso de informações contidas no cartaz. As pessoas procuram, cada vez mais, agilidade e praticidade na hora de fazer suas compras.

Com isso, é essencial que os cartazes distribuídos pelo supermercado sejam objetivos, didáticos e facilitem a vida do cliente, ou seja, o cartaz deve conter as informações principais do produto, como marca, tamanho e preço.

Colocar informações demais no cartaz faz com que o entendimento fique difícil e, consequentemente, minimiza as chances do consumidor comprar mais ou até mesmo desejar voltar no local.

3. Falta de padronização

A falta de padronização nos cartazes em uma loja ou supermercado, pode fazer com que sua estratégia de vendas não resulte em bons resultados. Isso porque, a confecção de cartazes sem arte ou que não expõem as informações de maneira clara, não atraem a atenção ou dificultam o entendimento pelo cliente.

Nesse sentido, o ideal é que o empreendedor adote um programa para impressão de cartazes. Essa ferramenta possibilita a padronização dos cartazes em todos os detalhes: fontes, tamanho da fonte, cores, disposição das palavras, identidade visual etc.

Ao adotar um padrão para a impressão de cartazes, o varejista conquistará um negócio muito mais profissional e com uma estratégia muito mais efetiva. Além disso, também ficará muito mais fácil elaborar cartazes personalizados para ofertas ou campanhas sazonais, como natal, páscoa, volta às aulas, entre vários outros.

4. Pouca exposição de cartazes

O ramo varejista é muito dinâmico e trabalhoso. São preços que mudam quase diariamente, ofertas por tempo determinado, campanhas diferentes, produtos que entram e saem de estoque etc. Com isso, a impressão de cartazes possui alta demanda e, por consequência, requer rapidez na elaboração e exposição.

Nesse contexto, caso não haja uma programação prévia, pode acontecer dos cartazes não serem suficientes para exposição, nem tão pouco possuam a qualidade necessária. A melhor maneira de se evitar esse tipo de problema, é buscar uma automatização do processo de impressão de cartazes.

Tais programas garantem uma agilização do processo, entregando os cartazes sempre a tempo, garantindo mais exposição de ofertas e geração de mais vendas.

Lembre-se que campanhas promocionais mal divulgadas acarretam em grandes prejuízos para o comerciante e também impede que o consumidor fique a par de preços ou chegada de produtos que possam interessar.

5. Falta de qualidade no layout

Os cartazes são parte fundamental para a estratégia de vendas de um supermercado. Logo, é indispensável que sejam elaborados com profissionalismo, apresentando layouts limpos, claros e objetivos, além, é claro, de imagens com boa resolução.

Para tanto, é preciso que as letras tenham fontes grandes (mas sem exageros), que as cores de impressão remetam ao logo ou identidade visual da empresa, que não hajam erros de ortografia ou presença de preços ou informações equivocadas.

Em outras palavras: nunca abra mão de um layout atraente e bem editado para que suas campanhas façam sucesso e as vendas aumentem.

6. Impressoras de baixa competência

Além de um bom planejamento, layouts bem estruturados, agilidade na renovação de cartazes e uma revisão atenta, é essencial que o material seja impresso em impressoras de qualidade — e o mesmo vale para os papéis e tintas utilizados na impressão.

Manchas na impressão, uso de tamanhos errados de papel ou materiais muito frágeis podem comprometer todo seu planejamento entorno da estratégia de cartazes. Logo, a conclusão é simples: compre equipamentos de qualidade. Uma dica interessante é utilizar materiais recicláveis, o que além de diminuir a quantidade de lixo e ajudar a natureza, gera uma boa imagem perante o público.

A melhor maneira de se evitar todos esses erros é adotando um sistema para criação e impressão de cartazes. A solução mais completa do mercado é a do Pricefy, que oferece um suporte completo, desde a elaboração do cartaz, definição de padrões e arte, até a impressão e suporte na utilização da plataforma.

Trata-se da marca adotada pelos principais varejistas do Brasil, como Leroy Merlin, Carrefour, Walmart, Extra e Pão de Açúcar. E as vantagens não param por aí: o uso da licença da plataforma é uma opção mais rentável e vantajosa do que o processo feito por profissionais da área de cartazeamento.

Pronto para corrigir todos esses erros de impressão de cartazes? Siga nossas redes sociais e fique por dentro de vários outros posts como este! Estamos no Facebook, LinkedIn, Instragram e Youtube.

Conteúdos relacionados