O Varejo Brasileiro em 2017

O Varejo Brasileiro em 2017

Pricefy

2/4/2018

This is some text inside of a div block.
September 3, 2021
This is some text inside of a div block.

Entre 2015 e 2016, o varejo apresentou seus piores resultados desde 2001, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), com quedas de 4,3% e 6,2% no volume de vendas, respectivamente. Os recuos representaram uma quebra no desempenho do setor que veio de uma década de crescimento forte, estimulado pelo aumento da renda da população e disponibilidade excessiva de crédito.

Mas e 2017? O Ranking NOVAREJO Brasileiro 2017 apresenta os resultados de um estudo realizado pelo Centro de Inteligência Padrão – CIP, em parceria com a Serasa Experian e a Mastercard, que investigou o comportamento das principais empresas do varejo brasileiro, mostrando como o setor será o protagonista da recuperação econômica nacional.

Entre os números mais importantes do ranking destacam-se:

  1. O faturamento das 350 maiores varejistas brasileiras cresceu 12,1% em 2016.
  2. O número de lojas das 350 maiores expandiu 8% em 2016.
  3. A rentabilidade por loja cresceu 5,5%.
  4. As 350 maiores empregaram 1,32 milhão de pessoas, 6,5% menos que em 2015.
  5. A produtividade média por funcionário aumentou 9,3%.

Confira a publicação e saiba quem são as 20 maiores redes de super e hipermercados do Brasil.

Conteúdos relacionados